Baixio se despede do maior líder político de sua historia

2 fev 2018

A cidade de Baixio parou para se despedir do seu filho mais ilustre, José Ferreira Lima foi aclamado e aplaudido pelo povo baixiense desde quando o caixão saiu de sua residência na Rua Chico Pinto até a Câmara Municipal, onde autoridades políticas também prestaram homenagens ao ex-prefeito e maior líder político da história desta cidade.

Seu Zuza Ferreira que não era filho de Baixio mais residia na cidade desde o seu primeiro mês de vida quando veio com a família no ano de 1913 da sua cidade natal (Várzea Alegre – CE) para ficar definitivamente até o dia de sua despedida (01/02/2018).

O cortejo com o caixão percorreu as principais ruas e avenidas da cidade, acompanhado por grande número de pessoas, as filhas, netos, familiares e amigos seguiram da casa legislativa até a Igreja Matriz de São Francisco das Chagas onde foi celebrado a Santa Missa, e, o corpo do ex-prefeito seguiu até o cemitério local onde foi sepultado.

A história de vida de José Ferreira Lima foi toda dedicada à sua amada Baixio, e aqui encerra-se o seu último capítulo, aos 104 anos Zuza Ferreira se despede e, é sepultado sobre forte emoção e aplaudido por quem mais defendeu a amou durante toda sua vida, o povo de Baixio!

 

...
Baixio receberá a Unidade Móvel de Empreendedorismo do Estado que passará a atender no centro
Neste dia 13/07/2018 a secretaria municipal de assistência social da gestão Ação com Humanização realizou
Três dias após o aniversário do prefeito José Humberto, foi a vez de cantar “Parabéns
“Um encontro com amigos! ” Essa foi a frase que o prefeito José Humberto atribuiu
E aos poucos a 'lei do silêncio' vai sendo rompida, lentamente as marcas do sofrimento
Junho e julho, os meses mais festivos no Nordeste brasileiro, e um dos maiores espetáculos
Benfica (azul) 1 X 0 Marechal (vermelho). Esse foi o placar do primeiro jogo de
O Escotismo é um movimento educacional que, por meio de atividades variadas e atraentes, incentiva
Nos dias 5 e 6 de julho, Baixio respirou e transpirar cultura na Praça 15
“Olha, que isso aqui tá muito bom. Isso aqui tá bom demais. Olha, quem tá