Com apoio da Séc. Cultura Jovens do Serviço de Convivência apresentam novas Esquetes

2 dez 2017

Os sombras, Chupa que é de manga, A história “Papi não sou Doente”, Os alienados, Pai vudu e suas previsões para 2018, Mesa de bar papo de mulher, A Herança, As bichas do maluco, Seu lunga, Os Desafinados de Baixio e o bebinho amigo de todos “Chama o deivin”.

Esses foram os esquetes apresentados na “Nossa Cultura, Nossa Historia” pelo prof. Célio Duarte e sua turma do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos do CRAS/Baixio e CIA de Arte Cênica Félix na noite de 30 de novembro no centro Comunitário de Baixio. Nove apresentações que levaram o público a dar boas risadas em mais uma espetáculo da juventude baixiense.

Contando com a parceria da sec. municipal de Cultura o professor Célio Duarte levou para o palco os adolescentes do CRAS em mais uma grande apresentação teatral. Para os jovens atores são vários os benefícios que as apresentações proporcionam além da perda da timidez o teatro serve para: estimular a imaginação; desenvolver a oralidade; incentivar o trabalho em grupo; aceitar as diferenças; estimular a transmissão de sentimentos e emoções.

Para o secretário de Cultura do município Reginaldo Pereira, esses eventos são de suma importância para o desenvolvimento de crianças e adolescentes. As vantagens são infinitas para o crescimento cultural e pessoal de cada um desses jovens. Assim como a dança e a música, as peças teatrais são fundamentais na formação cultural do ser, desperta o desejo ao conhecimento e estimula a reflexão. Afirmou Reginaldo!      

Cada esquete apresentado dura pouco mais de 10 minutos, alguns com aspecto da vida cotidiana e outros baseados em personagens reais como a inconfundível ignorância do seu Lunga (personagem que ganhou fama como um notório personagem do folclore nordestino, era conhecido pela falta de paciência nas respostas), mais todas com muito humor.

...
Quinta-feira (22) movimentada em Baixio! O dia 22 de março começou com o líder de
Na tarde desta sexta-feira (02), o prefeito José Humberto Moura Ramalho esteve reunido com os
Colocar a casa em ordem! Essa foi a missão da administração Ação com Humanização em