Prefeito e Primeira-Dama de Baixio na reunião para formação de Consórcio Regional

21 maio 2018

A secretaria de meio ambiente e primeira-dama Gleyce Kelly Alves na companhia do seu esposo, prefeito José Humberto Moura Ramalho participaram do encontro Regional para formação do Consórcio Integrado de Resíduos Sólidos da Região Centro-Sul, na cidade de Cedro – CE.

O casal baixiense, entre outras autoridades regionais estão na luta para a implantação da coleta seletiva em seus respectivos municípios, pois é o primeiro e mais importante passo para fazer com que vários tipos de resíduos sigam seu caminho para a reciclagem ou destinação final ambientalmente correta.

Veja na matéria do Diário do Nordeste tudo sobre o encontro regional

 

Diário do Nordeste

Na manhã deste sábado, 19, no Centro de Educação Profissional Ivens Dias Branco do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), na cidade de Cedro, ocorreu a reunião de formação do consórcio integrado de resíduos sólidos da região Centro-Sul, com a participação dos municípios de Baixio, Cedro, Várzea Alegre, Ipaumirim, Granjeiro, Umari e Lavras da Mangabeira.

O encontro discutiu a formação do consórcio regional, a diretoria provisória e o modelo de gerenciamento dos resíduos sólidos, nas cidades.

De acordo com o prefeito Dr. Nilson Diniz, defendeu a união entre os municípios e a busca de soluções para problemas comuns enfrentados. O primeiro passo do consórcio será a implementação da coleta seletiva nas cidades.

Cedro sem lixão
Atualmente, o município conta com os serviços da empresa DFL, contratada para realizar a coleta de lixo e transbordo para o aterro sanitário do município de Senador Pompeu. Atualmente, no antigo lixão de Cedro, a prefeitura está providenciando a recuperação do terreno. Após a conclusão dos trabalhos, será realizado o plantio da área. A coleta de lixo é realizada diariamente nos bairros e sede dos distritos por meio de profissionais capacitados.

Consórcio será bom 

Os municípios têm até o próximo dia 23 para aprovar lei que autoriza a participação no consórcio, após assinar termo de adesão, e obter a partir de 2019 uma verba especial, cerca de R$ 400 mil, oriundo de repartição de 2% do ICMS Ambiental. Os recursos somente poderão ser usados em obras e serviços relacionados com a questão dos resíduos sólidos.

“Esse consórcio vai ser bom para todos nós”, frisou o prefeito de Cedro, Nilson Diniz. O prefeito de Várzea Alegre, Zé Hélder, disse que a Câmara de Vereadores deve aprovar nesta terça-feira o projeto de lei de adesão do município ao consórcio. O prefeito de Baixio, José Humberto Moura, evidenciou os benefícios da união das cidades para a solução de um problema comum. “Vamos trabalhar em conjunto e vencer o desafio de acabar com os lixões”, disse.

O prefeito de Granjeiro, João do Povo, disse que a participação no consórcio será o caminho para alcançar o adequado tratamento dos resíduos sólidos.

Municípios de fora 

Na região Centro-Sul, os prefeitos de Acopiara, Catarina, Cariús, Icó, Iguatu, Jucás, Orós, Quixelô e Tarrafas preferiram não aderir ao consórcio.

Fonte – Diário do Nordeste

...
O dia do estudante (chamado também de dia do aluno ou ainda dia do discípulo)
Essa é a mensagem que 80 cursista do PROJETO CRIANDO OPORTUNIDADES receberam na aula inaugural
A autoridade de pai, muitas vezes sinônimo de cara fechada e pouco sorriso, pela árdua
“Pai, nosso herói de todos os dias” E esses heróis foram homenageados nas comunidades rurais
É fundamental que família e escola sigam os mesmos princípios e critérios, ter o mesmo
As pessoas que saíram da zona rural, ou até mesmo aqueles que já residiam na
Em estudo recente realizado pelo Ministério da Saúde, em parceria com a Organização Pan Americana
Do dia 23 ao dia 26 de julho, Baixio recebeu a UNIDADE MÓVEL DE EMPREENDEDORISMO
Mais uma atitude digna de aplausos. A administração Ação com Humanização entregou na tarde deste
Baixio receberá a Unidade Móvel de Empreendedorismo do Estado que passará a atender no centro