UM VERDADEIRO BANQUETE CULTURAL NA CÂMARA MUNICIPAL

23 ago 2017

Em 21 de agosto de 2017 foi realizada na Câmara Municipal de Baixio a Audiência Publica de Cultura para a apresentação do projeto Nossa Cultura (renomeado Chico da Rabeca), que tem por finalidade identificar e registrar o patrimônio cultural imaterial do calendário da cultura permanente de Baixio.

O referido projeto teve a iniciativa da Câmara municipal de vereadores de com o intuito de reconhecer os seguimentos do município como cultura local. A secretaria municipal de cultura na pessoa do gestor Reginaldo Pereira junto à gestão ação com humanização do prefeito José Humberto Moura Ramalho, apóiam o projeto por apresentar um fomento à valorização da nossa historia e da nossa cultura como instrumento de desenvolvimento social. Este dia fica marcado na historia de Baixio, como um marco de desenvolvimento e crescimento dos nossos potenciais culturais desta terra. A cultura de Baixio toma novos rumos a partir de agora e perpassa muito alem do que retratamos e do que temos dos saberes e fazeres culturais.

Durante a Audiência os expositores defenderam brilhantemente os nosso valores,os nossos costumes e as nossas tradições apresentando um grande banquete cultural como manifestação espontânea de um povo. A primeira defesa ficou por conta da secretaria de cultura que defendeu o carnaval de Baixio como um marco histórico da nossa gente. Em seguida Leomai Alves defendeu as artes cênicas apresentando um valioso registro do teatro, a apresentação marcante do espetáculo grandioso da paixão de cristo. Higor Alencar defendeu o mês Mariano como elemento cultural popular do município pela beleza cenográfica artística e pelo entrelaçamento da fé e da arte num culto de religiosidade popular da tradição baixiense. Laecio Josué expõe a cultura do vaqueiro, em uma apresentação emocionante mostrando as suas origens e tradições marcadas pela historia e cultura do povo nordestino. Emeilson Ribeiro defendeu as festividades juninas em duas vertentes marcantes desse grandioso evento como a tradição e a estilização. Lembrando que as atuais quadrilhas juninas transformam valores tradicionais em um novo estilo e uma nova roupagem para abrilhantar este mês tão importante para cultura da nossa região. Socorro Sales defendeu a Cruzada Evangélica do município expondo uma serie de ações realizadas pelas igrejas evangélicas voltadas para o resgate de vidas de pessoas à margem da sociedade. Clairton Alves defendeu os artistas da terra e dentre vários presentes destaca Chico da Rabeca como ícone da cultura local e regional pela participação e exposição dos seus saberes tanto no município, como na capital cearense. Felipe Josué defendeu a festa do município apresentando a lei que institui o dia 15 de setembro e reafirma os fazeres e saberes da nossa cultura conforme apresentados, por serem vistos como expressão do nosso povo baseadas na nossa historia ao longo dos tempos. Domingo Sávio defendeu a festa do Padroeiro como uma das maiores expressão cultural e religiosa do nosso povo, expondo a proporção grandiosa que se tornou em Baixio. Frisou ainda sobre a dimensão religiosa que a festa propõe e do especo que o evento religioso abre para a participação das comunidades locais e circunvizinhas fortalecendo assim, um marco do turismo religioso da nossa cidade e mostrou que a festa do padroeiro caracteriza e engrandece o nosso município.

Todas as exposições foram aprovadas e serão reconhecidas como cultura e serão incluídas no calendário cultural do município.

Por Reginaldo Pereira

Sec. Municipal de cultura

 

...
Baixio receberá a Unidade Móvel de Empreendedorismo do Estado que passará a atender no centro
Neste dia 13/07/2018 a secretaria municipal de assistência social da gestão Ação com Humanização realizou
Três dias após o aniversário do prefeito José Humberto, foi a vez de cantar “Parabéns
“Um encontro com amigos! ” Essa foi a frase que o prefeito José Humberto atribuiu
E aos poucos a 'lei do silêncio' vai sendo rompida, lentamente as marcas do sofrimento
Junho e julho, os meses mais festivos no Nordeste brasileiro, e um dos maiores espetáculos
Benfica (azul) 1 X 0 Marechal (vermelho). Esse foi o placar do primeiro jogo de
O Escotismo é um movimento educacional que, por meio de atividades variadas e atraentes, incentiva
Nos dias 5 e 6 de julho, Baixio respirou e transpirar cultura na Praça 15
“Olha, que isso aqui tá muito bom. Isso aqui tá bom demais. Olha, quem tá